Mont Saint-Michel

A idéia desta vez era visitar alguns dos pontos que estavam no topo da nossa “wish list” no norte da França:

Neste post, vou detalhar a viagem até o Mont Saint-Michel.

Planejar é bom e a sua viagem independente agradece! Normalmente lemos bastante sobre os lugares (história, atrações principais, etc), procurando informações em fontes distintas: VnV, Lonely Planet, e o Eyewitness Guide – Guia Visual da Folha no Brasil são meus pontos de partida. Mas reconheço que desta vez mandei uma bola fora das grandes. Havíamos planejado sair de Paris cedo de carro e passar no caminho ao Mont por Giverny, para visitar o jardim da casa de Claude Monet, mas simplesmente esquecemos que de segunta-feira não estaría aberto :(. Por isto o ponto vermelho no mapa acima, teremos que voltar. Não cometa o mesmo erro de planejamento!

Teríamos cerca de 400km para viajar de carro, e nossa estimativa seria de levar entre 4 a 5 horas na estrada (sem levar em conta paradas). A estimativa total com as paradas era de umas 8 horas.

No caminho, passamos rapidamente por Caen, uma bela cidade na Baixa Normandia, região que foi palco de históricas batalhas na Segunda Guerra Mundial.

IMG_7609

Em Caen está a bela Igreja St Etienne le Vieux, que foi severamente danificada por bombardeios na Segunda Grande Guerra:

St Etienne le Vieux

Mas como dizia a propaganda: Nóis viemos aqui para beber ou para conversar? O título do post é Mont Saint-Michel, mais um santuário dedicado ao arcanjo São Miguel, então vamos ao lugar que vai fazer qualquer qualquer turista ter fotos dignas de guias. Passando Avranches e já próximo do destino final, começamos a avistar o santuário, ora por campos de trigo, ora por campos verdes.

Mont Saint-Michel

Mont Saint-Michel

Já próximo ao estacionamento à frente do monte a vista clássica:

Mont Saint-Michel

No Mont Saint-Michel, pode-se visitar a pequena cidade medieval protegida pelos muros do monte e a Abadia. Uma visita calma pelo Mont Saint-Michel, proporcionará vistas espetaculares da Baía. Vale lembrar que o Mont Saint-Michel e sua Baía são classificados Patrimônio Mundial pela UNESCO, talvez o maior selo de qualidade para garantir a sua visita ;).

Mas já falei que o lugar é um santuário, certo? Segundo a lenda, o Arcanjo Miguel – que no Apocalipse lidera à vitória os exércitos de Deus – apareceu para Aubert d’Avranches em 708 AD e instruiu que uma igreja fosse construída na ilhota rochosa, porém Aubert ignorou o anjo por um tempo, mas sabemos que foi “persuadido”. Além do Mont Saint-Michel, há diversos outros locais dedicados a São Miguel pelo mundo como o Castel Sant’Angelo em Roma, o St Michael’s Mount na Cornualha, diversos na Itália e pelo mundo.

Dentro das muralhas, vale muito a pena andar pela charmosa vilinha medieval:

Porém como diz o ditado “saiu na chuva é para se molhar”, ir ao Mont Saint-Michel sem explorar sua Baía é uma viagem incompleta; tem que enfiar o pé na lama :D:

Andando por volta da ilha na maré baixa proporcionará ângulos distintos e interessantes para fotos. É um passeio delicioso e desestressante. Pode-se explorar a baía à cavalo (foto um pouco mais acima), uma alternativa interessante aos que gostam.

Quanto tempo ficar lá? Eu acredito que pernoitar uma noite é o ideal, e pelo menos umas 24 horas para observar o fenômeno da maré (abaixo mais detalhes) com calma. O viajante que pernoitar será recompensado com fotos fenomenais ao anoitecer:

Mont Saint Michel

A Baía do Mont Saint-Michel é um dos melhores locais no mundo para observar a interferência gravitacional da Lua sobre o mar. O ciclo das marés podem ser observadas desde a ilha e ocorre cerca de duas vezes por dia num intervalo de aproximadamente 12 horas. Para observar o fenômeno, o ideal é chegar umas 2 horas antes do ponto alto da maré e durante o dia. Programe-se aqui.

O duro é parar de tirar fotos do lugar. Imagina o dinheiro que antes as pessoas gastavam com revelações numa viagem ao Mont Saint-Michel (se vc nasceu depois de 1995, provavelmente não entendeu a piada :)).

Mont Saint-Michel

E no nosso “Au Revoir” ao Mont Saint-Michel em direção ao Vale do Loire (em post à seguir), conseguimos ainda uma foto com as vaquinhas pastando.

Mont Saint-Michel

Há diversas opções de lugares para estadia no próprio monte e próximo a ele. Optamos ficar no Relais Saint-Michel, que teve ótimo atendimento e o melhor de tudo, um café da manhã com vista para o monte:

Petit déjeuner - Relais Saint-Michel

Chegamos lá de carro, e dirigir pelas estradas francesas é muito tranquilo e tudo muito bem sinalizado, mas para não se perder é melhor estar com GPS. Estou certo que o TomTom para iPhone vai funcionar perfeitamente lá.

Uma alternativa muito utilizada por turistas independentes é ir de trem até Rennes (2 horas desde Paris-Montparnasse) e de lá de ônibus. Há outras opções também listadas aqui.

De avião, os aeroportos mais próximos são os de Rennes e o de Dinard. Dinard parece ser uma ótima alternativa aos que estiverem indo de Londres (descobri isto aqui), mas viajar pela Ryanair tem suas peculiaridades, informe-se antes.

Anúncios

3 respostas em “Mont Saint-Michel

  1. Muito bom!

    Já incluí o Mont Saint-Michel na minha viagem, graças à você!

    Espero voltar com lindas fotos e memórias também!

    Abração

  2. Maravilha!

    Também inclui o Mont Saint-Michel na minha viagem.

    Vale a pena visitar no período em não há uma mudança significativa da maré?

    Obrigado

    • Olá Erick.

      Pela beleza e história o lugar por si já vale a visita. Eu não estive lá nas duas situações para comparar, mas vendo a força das águas, não tenho dúvida que experiência é mais completa observando a maré.

      Abc

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s