Boston e Cambridge 1/2

Capital e maior cidade do estado de Massachusetts (repita 3 vezes sem parar :D) e da Nova Inglaterra, Boston é uma cidade muito charmosa, cheia de história, e louca por esportes. Boston/Cambridge é provavelmente a região no mundo com maior concentração de faculdades e universidades, sendo as mais famosas Harvard e o MIT.

De Nova Iorque, pode-se chegar até Boston em uma agradável viagem de trem (Amtrak) que leva entre 3:30 e 4 horas. Também é possível ir de ônibus com a Megabus ou com Greyhound, além de claro ir de avião. Adoramos viajar de trem, assim fomos de Amtrak. Há duas estações de trem para quem vem de Nova Iorque, a Back Bay e a South Station. A primeira é conveniente para quem ficar em Back Bay, Kenmore, South End, ou qualquer outro bairro no sul ou oeste da cidade. Para Downtown, Beacon Hill, North End e toda Cambridge a South Station é mais conveniente pois pega-se direto a linha vermelha do T.

A região metropolitana de Boston é relativamente compacta e o T (o metrô deles) funciona razoavelmente bem. Os preços para o CharlieCard estão aqui, e, vale a pena comprar o ticket de 7 dias que custa menos que o dobro do valor do de 1 dia. O CharlieCard dá acesso ilimitado ao metrô, ônibus local, trens e ferries locais.

Há várias atrações e são necessários alguns dias para conhecer razoavelmente bem, indicaria pelo menos uns 3 dias, mas o ideal seriam uns 5 ou 6 para incluir também Charlestown e possivelmente Salem ou Cap Cod. Como desta vez tínhamos 3 dias, focamos no que consideramos as principais atrações do centro de Boston (Azul) e Cambridge (Vermelho) que estão no mapa abaixo:

Neste post está a parte de Cambridge, Boston virá no próximo. Os hotéis em Cambridge são em geral mais baratos que os de Boston, e a região é tão compacta e bem servida de transporte público que acredito que não valha a pena pagar a diferença para ficar no centro de Boston.

Ficamos em Cambridge e dividimos a base entre o Sheraton Commander e o Le Meridien MIT. O Sheraton é um hotel mais clássico enquanto que o Le Merdien é mais “trendy”. Ambos foram aprovados, porém o elevador do Sheraton deve estar no Guinnness como o mais lento elevador do mundo :(.

Próximo ao Sheraton, está Harvard Square, próximo à universidade de mesmo nome. Lá, também há diversos restaurantes, lojas de todos os tipos, e performances ao ar livre. Fomos ao Wagamama (uma rede de comida asiática) que é uma ótima opção para um almoço em conta, apenas cuidado com as opções picantes! No final da tarde cai muito bem um chá no Tealuxe.

A Harvard University dispensa apresentação. A mais rica universidade do mundo (endowment de U$32Bi+), é um imã de talentos em diversas frentes do conhecimento. Aqui a versão inicio de primavera (final de abril):

E a versão fim de inverno (final de março):

Não esqueça de passar as mão nos pés de John Harvard, dizem que ajuda na aquisição de sabedoria! Um pouco mais distante do Harvard Yard, ficam a Harvard Kennedy School e já do outro lado do Charles River em Boston, a Harvard Business School.

Na Central Square ficam vários restaurantes, cafés, e bares que são frequentados pela população de alunos, professores, estagiários, e funcionários de Harvard e do MIT.

Já um pouco mais para o sul, entrando no complexo de prédios do Massachusetts Institute of Technology (MIT) fica o MIT Museum, onde há exposições interessantíssimas de arte e tecnologia. Um deleite para geeks como eu :). Vimos uma exposição fenomenal do Arthur Ganson (que logo se tornou dos meus artistas favoritos junto a Jean Tinguely), de Harold Edgerton, de holografia, entre outras. As crianças ficavam enlouquecidas lá, certamente um dos melhores para iniciar os bambinos no mundo das artes e da tecnologia.

Uma visita ao campus do MIT também é recomendável, não somente por contar com Stata Center do renomado arquiteto Frank Gehry (apesar da disputa legal que tiveram depois), mas também para visitar o Infinite Corridor (que parece mesmo ser infinito), o Kresge Auditorium, os antigos e o novo prédio “state-of-the-art” da Sloan School of Management, outros museus no campus e tirar fotos do Great Dome.

E claro, a versão inverno 😀 :

Great Dome

Informações de Boston estão aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s